vá para conteúdo
Sol
Squiggly
bertalha

Como plantar bertalha

Essa planta trepadeira é uma verdadeira joia tropical! De rápido crescimento e produção abundante, ela é muito fácil de cultivar, sendo perfeita para o nosso clima. Certamente vai provocar nostalgia nos mais velhos e cativar a curiosidade dos pequenos. Redescubra este cultivo ancestral plantando na sua casa. É simples e divertido.

Como germinar

Coloque uma ou duas sementes em uma profundidade de 4cm e cubra com terra. Considerando que o tempo de germinação é lento, recomendamos deixar as sementes em água morna por 24h antes de plantar. Mantendo o substrato úmido elas devem germinar em 10-15 dias.

Como preparar o vaso

Escolha um vaso com furos ou sistema de drenagem e complete com um substrato rico em matéria orgânica. Prepare o seu ou aproveite nosso Mix de Plantio orgânico. Faça uma estrutura com estacas, barbantes ou arames para que a planta possa trepar.

Como plantar

Quando apresentarem 3-4 folhas, selecione as melhores mudas e transplante para o local desejado. Se já estiverem no local definitivo, certifique-se de que não haja competição entre duas mudas que brotaram no mesmo local, removendo uma delas se for necessário. 

Qual a melhor época para plantar?

É perfeita para cultivar em qualquer época. Mesmo assim, por se tratar de uma planta especialmente adaptada ao calor, os melhores resultados são nos meses de verão.

De que tamanho minha planta vai ficar?

Essa trepadeira cresce muito! Quando as condições são boas e existe algum local para trepar, ela pode ultrapassar os 5m de altura. Ideal para plantar junto à cercas, muros e paredes.

Posso plantar em vasos?

Perfeitamente. Na vida adulta, ela desenvolve um sistema de raízes tuberosas, por isso recomendamos utilizar recipientes de pelo menos 30cm de profundidade. É uma planta trepadeira então, coloque o vaso próximo a uma parede ou monte uma estrutura simples com estacas e arames.

Necessidade de Sol

Por ser bastante rústica, a bertalha vai se adaptar facilmente à qualquer disponibilidade de luz, podendo ser cultivada até mesmo dentro de casa. Recomendamos de 4 a 8 horas de Sol por dia para que a planta se desenvolva plenamente.

E se eu plantar direto na horta?

Ótima ideia! Tenha em mente que a bertalha é uma trepadeira e vai escalando tudo o que estiver em seu caminho. Por essa razão, recomendamos que esteja próxima à árvores ou cercas para que possa crescer bem. Outra opção, é criar uma estrutura para que ela possa escalar.

Como irrigar

Regue o solo ao redor da planta e evite jogar água sobre ela. É importante manter o substrato sempre úmido, evitando que esteja seco ou encharcado. A freqüência da rega pode variar de acordo com o clima e a drenagem do seu vaso/horta.

Como faço para adubar?

Ela vai crescer em qualquer solo, inclusive naqueles pouco férteis. Mesmo assim, com boa disponibilidade de nutrientes, ela se desenvolverá melhor. Recomendamos adubação mensal - confira nossos produtos de Nutrição Básica e Estimulante Yes, We Grow.

Quando começo colher?

A colheita é parcial e contínua, ou seja, as folhas vão sendo utilizadas, conforme a planta cresce. A partir do terceiro mês, quando perceber que algumas folhas já estão grandes (7-10 cm), comece a realizar a colheita, com moderação para não enfraquecer muito a planta.

Como devo colher?

Retire as maiores folhas manualmente e de modo disperso, deixando sempre algumas no caule. Quando a planta florir, realize a colheita das flores e frutos, que também são comestíveis. Se você identificar uma nova rama nascendo, retire as folhas mais próximas para que o Sol atinja este broto.

Tenho que podar?

Com exceção das folhas secas e danificadas, não é necessário. Nessa planta, a colheita faz o papel da poda, permitindo que folhas mais jovens possam se desenvolver e outras novas possam brotar. 

Quais outras plantas posso colocar no mesmo vaso?

Por ser uma trepadeira, ela vai combinar com plantas de baixa estatura, como as verduras de folha, ervas e temperos. Tenha em mente que ela também tem uma parte subterrânea, um bulbo. Então, não plante junto com outras hortaliças de raízes, como a batata, a cenoura e o rabanete.

Quais as pragas e doenças mais comuns?

Mantendo uma boa nutrição e irrigação constante a maior parte dos problemas serão evitados. Essa planta é extremamente resistente, sendo raríssimos os casos de pragas e doenças.

Como posso combater as pragas?

Alguns problemas da horta são naturais (clima e temperatura) e outros são estruturais (ambiente, logística e infraestrutura). Se esses problemas forem difíceis de superar e suas plantas estiverem sendo atacadas por pragas é possível adotar algumas medidas de prevenção e controle para continuar cultivando.

A principal medida, que ajuda todo tipo de horta, é diversificar o cultivo. Encontre novas variedades de plantas e acrescente na sua horta: cebola, alho, manjericão, coentro alecrim, citronela e hortelã são repelentes naturais para a maioria das pragas. Então, considere ter sempre alguns plantados por perto. Outra opção interessante, é utilizar algum tipo de repelente natural.

Se o seu problema for com fungos, provavelmente, existe um desequilíbrio na umidade. Os fungos se proliferam quando o ambiente das plantas está muito quente e úmido. Evite regar nas épocas mais chuvosas e deixe suas plantas em locais arejados. É recomendável podar as primeiras folhas que apresentarem a doença para que não se espalhe.

Quanto tempo dura uma bertalha?

Isso pode variar, já que existem diversos tipos de bertalha no Brasil. Normalmente a planta é anual, o que significa que ela irá crescer, florescer e se reproduzir em cerca de um ano. No final deste ciclo, a planta morre. Entretanto, existem técnicas de reprodução que permitem um cultivo contínuo.

Como posso reproduzir a bertalha?

Existem duas técnicas para reproduzir sua bertalha: sementes ou ramos. Para obter as sementes, basta deixar que sua planta entre no período de floração. O que ocorre, naturalmente, a partir do segundo mês de vida. Os frutos da bertalha são pequenas bolinhas roxas, que possuem sementes em seu interior. Deixe essas sementes de molho, em água por 24h, para quebrar a dormência e depois plante para produzir novas mudas. Se preferir utilizar a técnica de reprodução por ramos, que é o método mais rápido, basta cortar um pedaço do caule de aproximadamente 15 cm e enterrar diretamente no solo.

Ciclo Fenológico

  • Fase de Germinação: 10 dias

Sua semente irá germinar e se transformar em uma muda.

  • Fase de Crescimento: 30 dias 

Nesta fase, a muda vai se desenvolver como um pequeno arbusto.

  • Fase de Colheita: 60 dias 

A partir do segundo mês, as maiores folhas já podem ser colhidas

  • Fase de Produção: 90 dias

Conforme a planta for crescendo, a colheita pode ser mais frequente

  • Fase de Floração: 365 dias

A floração começa a ocorrer no segundo ano de vida, quando começará a produção de frutos

Fatos Científicos

Reino: Plantae

Divisão: Magnoliophyta

Classe: Magnoliopsida

Família: Cactaceae

Gênero: Pereskia

Bom Cultivo!

Se tiver dúvidas ou sugestões,  pode contar conosco!

Artigo anterior Dicas para melhorar a sua horta caseira
Próximo Artigo Passo a passo de como plantar agrião

Comentários

Jacques - setembro 24, 2020

Uma hortaliça SUPER interessante MÁS PARA achar sementes ou mudas não achei aqui no sul da Bahia

Deixe um comentário

Comentários serão aprovados antes da publicação

* Campos obrigatórios